História da Assessoria de Imprensa

(clique no título/link para ver a definição completa)

Comunicação Social nas Constituições do Brasil



(clique no título/link para ver a definição completa)

História da Televisão no Brasil

 (clique no título/link para ver a aula completa)

(clique no título/link para ver a definição completa)

Radiodifusão Comunitária no Brasil

Denomina-se Serviço de Radiodifusão Comunitária a radiodifusão sonora, em freqüência modulada, operada em baixa potência e cobertura restrita, outorgada a fundações e associações comunitárias, sem fins lucrativos, com sede na localidade de prestação do serviço.Com o surgimento do transistor, nos anos 1950, os equipamentos para montar uma rádio ficaram baratos e de fácil manuseio tornando possível a criação de rádios clandestinas no país. Durante o regime militar, operar transmissor sem autorização passou a ser criminalizado (Decreto 236/67), sendo punido com prisão. (clique no título/link para ver a aula completa)

(clique no título/link para ver a definição completa)

Opinião Pública e Pesquisa de Opinião

“Não se pode atribuir racionalidade ou irracionalidade à opinião pública; há, evidentemente, espaço de manipulação, já que os media podem ser perfeitamente ajustáveis, dirigíveis, determináveis. Diante dos meios de comunicação de massa, medium é a própria opinião pública". Marcondes Filho  Opinião pública é a expressão dos modos de pensar de determinados grupos sociais, ou da sociedade como um todo a respeito de assuntos de interesse comum em um dado momento. (clique no título/link para ver a aula completa) (clique no título/link para ver a definição completa)

Comunicação Pública

A Comunicação Pública trata de compartilhamento, negociações, conflitos e acordos na busca do atendimento de interesses referentes a temas de relevância coletiva. A Comunicação Pública ocupa-se da viabilização do direto social coletivo e individual ao diálogo, à informação e expressão. Assim, fazer comunicação pública é assumir a perspectiva cidadã na comunicação envolvendo temas de interesse coletivo". Duarte

A Comunicação Pública (CP) pode ser desde a comunicação feita por governos como a realizada por corporações. Deve estar presente em todos os casos onde houver recursos públicos ou simplesmente interesse público. Por isso, ela é hoje muito associada a termos como: cidadania, democratização, participação, diálogo, interesse público etc. Pode-se dizer, por tanto, que a comunicação pública é um instrumento que permite que a sociedade melhore a si mesma. (clique no título/link para ver a aula completa)

(clique no título/link para ver a definição completa)

Lei de Imprensa no Brasil

A primeira legislação brasileira de imprensa, deriva da lei portuguesa de 12 de julho de 1821. Ela previa que um Juízo dos Jurados, composto por 24 cidadãos indicados pelo regente, seria responsável em conter os abusos de liberdade de manifestação. Durante o Império, a imprensa era regulamentada pela Carta de Lei de 2 de outubro de 1823 que foi oficializada no Decreto de 22 de novembro do mesmo ano, outorgado por Dom Pedro I. Nela, o júri popular continuou tendo competência para julgar os crimes de imprensa. (clique no título/link para ver a aula completa)

(clique no título/link para ver a definição completa)

Comunicação Social na Constituição Federal de 1988

O jornalismo, tal como o conhecemos hoje, é uma invenção da democracia moderna." Bucci 

A Constituição Federal de 88 (CF/88) trata da Comunicação Social em diversos artigos e incisos. Os principais são: art. 5 e 220 a 224, além do art. 139. (Clique no título acima para ver a aula completa)

(clique no título/link para ver a definição completa)

Redação Publicitária

A publicidade não se faz somente com fatos e idéiasmas também com palavras e imagens". CONAR 

A redação publicitária pode ser definida como a elaboração criativa de anúncios e peças publicitárias. É um texto persuasivo, coloquial, caracterizado pelo uso da ordem direta, das abordagens racional e emocional e de temas diretos ou indiretos. O raciocínio publicitário não se baseia em premissas, uma maior do que a outra, que levem à conclusão racional; ao contrário, é retórico e argumentativo, em prol não da verdade objetiva em si, mas das possibilidades e virtualidades de produtos, instituições e serviços. O publicitário atua no campo das emoções, probabilidades, possibilidades e argumentos viáveis. (clique no título/link para ver a aula completa)

(clique no título/link para ver a definição completa)

Objetividade e Imparcialidade

Para a epistemologia, objetividade trata da validade de um conhecimento ou representação de um objeto. Já a mediologia diz que a objetividade separa o enunciado da enunciação no processo de comunicação. Assim, o receptor constata apenas a mensagem sem se relacionar diretamente com o emissor. Esta dinâmica gera um distanciamento do receptor em relação ao conteúdo de um enunciado. (clique no título/link para ver a aula completa) (clique no título/link para ver a definição completa)