Fazer questões

Foram encontradas 1581 questões

Questões por página: Imprimir
1
Prova: EMDEC
Ano: 2019    Banca: IBFC    Cargo: Jornalismo
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Produção e Rotina Jornalística
Segundo Nilson Lage (2000, p. 46), “o futuro do jornal parece estar mais ligado à reportagem. Esta palavra tem dois sentidos: por um lado designa o setor das redações que trata da apuração e codificação de dados, em geral; por outro, um gênero jornalístico diferente da notícia por vários aspectos”. A distância entre reportagem e a notícia estabelece-se, na prática, a partir da _____. 

Assinale a alternativa que preencha corretamente a lacuna. 
Observe os conceitos referentes aos termos jornalísticos. 

1. Matéria, geralmente de entretenimento e variedades, caracterizada por ser menos perecível que a notícia comum e podendo ser publicada a qualquer tempo. 
2. Notícia ou fato que desperta interesse do leitor por implicar rompimento extraordinário dos acontecimentos cotidianos, como crime, morte e desastre. 
3. Jornalista novato, repórter sem experiência na profissão. 4. Publicação da imprensa alternativa, dedica-se a assuntos musicais e outras manifestações culturais. Nasceu junto com o movimento punk inglês, na década de 1970. 

Assinale a alternativa que corresponde à sequência correta dos termos jornalísticos em relação aos seus conceitos. 
As fontes na apuração jornalística podem ser classificadas sob vários aspectos: quanto ao tipo de informação, à maneira como aparecem na notícia, aos setores onde são apuradas, entre outros. Assinale a alternativa em que as fontes recebem classificações INCORRETAS quanto à sua natureza. 
Nas técnicas de apuração jornalística as fontes são um fator determinante para a qualidade da informação produzida pelos meios de comunicação. Sobre as fontes utilizadas na apuração jornalística, assinale a alternativa INCORRETA. 
De acordo com os critérios de noticiabilidade e características de uma pauta jornalística, analise as afirmativas a seguir. 

I. A noticiabilidade de um fato está ligada aos seus fatores éticos, circunstâncias históricas, políticas, econômicas e sociais que viabilizam a transformação desse fato em informação jornalística. 
II. O ineditismo, a improbabilidade, a utilidade, o apelo, a empatia, o conflito, a proeminência e a oportunidade são características necessárias em um fato, para que ele se torne noticiável. 
III. A pauta para internet, na maioria das vezes, é um roteiro direto e objetivo, ordena, mais do que sugere, alinha, mais do que motiva e obriga, mais do que solicita, aos redatores dos sites o cumprimento de ações para se chegar às matérias. 
IV. A reunião de pauta, na verdade, é uma das etapas da seleção de conteúdo do que vai ser noticiado. São estipulados os profissionais que participarão e as formas como irão acontecer esses importantes encontros na rotina das redações. 

Estão corretas as afirmativas
São características essenciais do Jornalismo: atualidade, periodicidade, universalidade e publicidade, de onde são extraídas as leis próprias e técnicas, fundamentais para se compreender o Jornalismo tradicional e suas novas formas na atualidade. Considerando as quatro características essenciais e seus respectivos significados, relacione adequadamente as colunas a seguir. 

1. Universalidade. 
2. Periodicidade. 
3. Atualidade. 
4. Publicidade. 

( ) Difusão de mensagens por meio de canais como a imprensa, o rádio e a televisão. 
( ) Compreende o acervo de conhecimentos referentes a todas as áreas de conhecimento humano; variedade. 
( ) Aparecimento regular da publicação dos fatos. 
( ) Fatos novos referentes ao dia a dia, ao cotidiano das pessoas. 

A sequência está correta em 
7
Prova: Câmara Municipal de Colombo - PR
Ano: 2019    Banca: FAUEL    Cargo: Jornalista
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Produção e Rotina Jornalística
“O relato jornalístico não é um ato de descrever ou dizer de forma direta, determinada e precisa um fato empírico acontecido no mundo exterior, mas é um ato de apresentação de uma realidade que se constitui inclusive com a participação ativa do leitor (...) mas isso não equivale a dizer que imprensa mente, inventa ou diz inverdades. Significa apenas que os nossos discursos são condicionados pelos limites de nossos modos de dizer, ou seja, são construções do mundo dentro de certos limites impostos pelos nossos jogos de linguagem.” (CORREIA, J. C. “A verdade, a objectividade e a “seriedade” dos enunciados jornalísticos”, in Teoria e Crítica do Discurso Noticioso. LabCom, 2009, p. 22) 

De acordo com o texto dado é CORRETO afirmar que: 

I– Nunca há uma descrição completa da realidade senão muitas, todas diferentes. Portanto, cada texto pode trazer uma verdade em si, mas nunca uma verdade absoluta. 
II– O autor refuta a condição de imparcialidade no jornalismo, pois cada relato de um fato, ainda que comprometido com a realidade, é narrado segundo os critérios e as características de seu autor. 
III– No jornalismo, a verdade passa por uma reconstrução, que permite contextualizar os fatos, procurar as suas causas e apresentá-los na sua coerência.
8
Prova: Câmara Municipal de Colombo - PR
Ano: 2019    Banca: FAUEL    Cargo: Jornalista
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Produção e Rotina Jornalística
Sobre termos técnicos do jornalismo, relacione a primeira coluna com a segunda. 

A– Lide 
B– Sublide 
C– Pirâmide invertida 
D– Pirâmide deitada 
E– Feature 
F– Pensata 

I– Técnica de redação na qual o lide é a primeira e principal informação. 
II– O primeiro parágrafo de uma matéria no qual deve conter, em poucas linhas, as informações básicas sobre o fato. 
III– Perfil, entrevista ou história de interesse humano aprofundado em uma reportagem especial com informações pitorescas ou inusitadas. 
IV– Com informações menos importantes, serve para articular melhor o texto a partir de dados secundários. 
V– Gênero próximo ao editorial em que um pequeno artigo faz análise de uma notícia. 
VI– Com quatro níveis de leitura (unidade base, nível de explicação, nível de contextualização e nível de exploração), é o método mais adequado para o webjornalismo, segundo alguns teóricos. 
9
Prova: Câmara Municipal de Colombo - PR
Ano: 2019    Banca: FAUEL    Cargo: Jornalista
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Produção e Rotina Jornalística
“Se a objetividade é impossível, deve-se tentar ser objetivo. A objetividade é uma meta, um ideal. Resolvem-se assim todas as questões de consciência: tentar ser objetivo seria o bastante, mesmo que a objetividade seja impossível. Com essas assertivas relativas (...) e com assertivas absolutamente acríticas (...) o movimento da indústria da comunicação para sacralizar a questão da objetividade segue firme. (...) Enquanto a academia discute “cientificamente” a objetividade, a indústria a mitifica.” (COSTA, C. T. Ética, jornalismo e nova mídia: uma moral provisória. Ed. Jorge Zahar, 2009, p. 167) 

Dado o texto, é CORRETO afirmar que: 

I– Por “indústria da comunicação” entendem-se os interesses publicitários e de mercado associados à venda da notícia enquanto produto. 
II– Por “assertivas absolutamente acríticas” o autor faz referência à ausência de objetividade existente no jornalismo. 
III– O autor tece uma crítica ao meio acadêmico, que debate a questão da objetividade na teoria, enquanto a indústria da comunicação a vende como bem imaterial de consumo. 
IV– Os dois primeiros períodos do texto refletem diretamente a opinião do autor sobre objetividade. 
Segundo Nilson Lage (2001), do ponto de vista da apresentação, a entrevista varia, evidentemente, conforme o veículo. No _____, a entrevista pode ser tratada como notícia. Neste caso, o procedimento é o mesmo de quando se faz o resumo noticioso de um documento: selecionam-se as proposições mais relevantes dentre aquelas das respostas, ordenam-se da mais relevante para a menos relevante e transcrevem-se nessa ordem, intercalando as informações ambientais (quem, que, quando, onde, por que, para que, circunstâncias eventuais) e procurando alternar discurso direto e indireto. 

De acordo com o enunciado, assinale a alternativa que preencha corretamente a lacuna.