Fazer questões

Foram encontradas 6791 questões

Questões por página: Imprimir
11
Prova: CRO-RS
Ano: 2019    Banca: Quadrix    Cargo: Assessor de Imprensa
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Produção e Rotina Jornalística
No processo de produção da notícia, jornalistas e fontes agem em conjunto, às vezes com interesses em comum, às vezes com interesses conflituosos. Quanto mais profissionalizada for a fonte, maiores serão as chances de interferirem no noticiário, por entenderem as rotinas jornalísticas e os critérios de noticiabilidade. Conceitualmente, os agentes interessados na promoção de determinadas ocorrências voltadas para a utilidade pública, que interferem na agenda pública e midiática, recebem o nome de 
12
Prova: CRO-RS
Ano: 2019    Banca: Quadrix    Cargo: Assessor de Imprensa
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Produção e Rotina Jornalística

A notícia é  o formato mais utilizado pela imprensa comercial e  informativa se desenvolveu ao  longo do último século.  Sendo  assim,  assinale  a  alternativa  correta  acerca  das condições de produção da notícia.  

13
Prova: CRO-RS
Ano: 2019    Banca: Quadrix    Cargo: Assessor de Imprensa
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Produção e Rotina Jornalística
A respeito das técnicas de produção e apuração para os diferentes meios, assinale a alternativa correta. 
14
Prova: CRO-RS
Ano: 2019    Banca: Quadrix    Cargo: Assessor de Imprensa
Disciplina: Jornalismo
Assunto: História da Imprensa
O jornal impresso foi o primeiro meio de comunicação a ser massificado, entre o final do século XIX e o início do século XX. Mesmo com algumas particularidades, a imprensa brasileira também passou por esse processo a partir do período republicano. 

Considerando essas informações, assinale a alternativa correta. 
15
Prova: Prefeitura de Manguadari - PR
Ano: 2019    Banca: FAUEL    Cargo: Comunicador Social
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Redação Jornalística
Sobre a classificação do texto no jornalismo, relacione a primeira coluna com a segunda e assinale a alternativa CORRETA. 

I– Reportagem. 
II– Suíte. 
III– Crônica. 
IV– Artigo. 
V– Perfil. 

A– Texto assinado, que reflete a opinião do autor a respeito de algum fato ou tema da atualidade. 
B– Marcadamente subjetivo, registra a visão de fatos do cotidiano e aproxima o jornalismo da literatura. 
C– Apresenta informação atualizada sobre a notícia já publicada anteriormente. 
D– Apresenta um local ou uma pessoa que tenha uma história relevante a ser descrita. 
E– Relato de maior intensidade e densidade que a notícia e tem caráter investigativo.
16
Prova: Prefeitura de Manguadari - PR
Ano: 2019    Banca: FAUEL    Cargo: Comunicador Social
Disciplina: Jornalismo
Assunto: História da Imprensa
Sobre a História da imprensa brasileira e seus primórdios, é CORRETO afirmar que: 

I – O Brasil não teve acesso à tipografia e à imprensa por três séculos desde o Descobrimento, ou seja, até o século XIX. 
II – Esta ausência de tipografia e imprensa é, segundo alguns autores, consequência da proibição de industrialização, de sistema interno de correios e de construção de universidades pela coroa portuguesa. 
III – Com a chegada da corte portuguesa, no início do século XIX, jornais impressos na Europa começaram a circular no Brasil, entre eles, o Correio Braziliense. 
IV – A imprensa brasileira ficou livre da censura apenas no final do século XIX, coincidentemente com a abolição da escravatura em 1888. 
17
Prova: Prefeitura de Manguadari - PR
Ano: 2019    Banca: FAUEL    Cargo: Comunicador Social
Disciplina: Jornalismo
Assunto: Redação Jornalística
Ainda que as alterações tecnológicas e a dinamicidade linguística exerçam influência sobre o jornalismo, algumas bases continuam elementares para a clareza e a simplicidade da informação destinada ao público. Relacione as colunas a seguir com algumas dessas expressões utilizadas nas redações ainda atualmente. 

I – Lide. 
II – Gancho. 
III – Pirâmide Invertida. 
IV – Dead-line. 
V – Nota Pé ou Nota Retorno. 

A – Modo de contextualizar a reportagem que liga o assunto da pauta à realidade do espectador de forma relevante. 
B – Prazo final para o fechamento de uma edição ou conclusão de uma reportagem. 
C – Início convencional de reportagens que precisa responder às seguintes perguntas: “quem?”, “quando?”, “onde?” e “por quê?” 
D – Informação curta para compor o texto no final de uma reportagem. É lida pelo apresentador para complementar alguma informação que não foi veiculada na matéria ou chegou à redação de última hora. 
E – Técnica de estruturação do texto típica do jornalismo diário, que traz as informações em ordem decrescente de importância, ou seja, da mais importante para a menos importante.
18
Leia o texto a seguir e assinale com VERDADEIRO ou FALSO as afirmativas das questões 10 e 11. 

Evolução é um conceito que também está relacionado ao progresso e à eficiência. No jornalismo pode-se julgar que alguns preceitos não mudam, mas o pensamento a respeito deles são ampliados e clarificados, o que representa certo progresso, enquanto as máquinas colaboram em tese e de fato para que o trabalho profissional seja realizado com mais eficiência. A evolução do jornalismo pode ser tomada em dois aspectos visivelmente empíricos: forma e conteúdo. O papel mais destacado das tecnologias nessas mudanças evolutivas, no que se refere à apuração da informação e tratamento, está relacionado a obtenção de fontes, recolha e checagem de dados – subsídios para a contextualização e registro. 
É importante frisar que a democratização do ato de comunicar é o principal atributo das mídias sociais e que elas são encaradas por alguns especialistas em comunicação digital como ameaças à mídia mainstream. O ataque mais contundente é expresso por Andrew Keen ao afirmar que “nossa cultura está se transformando em uma rede de banalidades e desinformação em que qualquer um pode falar o que quiser, sem preocupação com a relevância ou a veracidade das informações.” (PADILHA, S. C. O webjornalismo mediado pela cultura social. LabCom, 2012, p. 154 e 156) 

Sobre o segundo parágrafo do texto dado, é CORRETO afirmar que: 

(___) “Mídia mainstream” (do inglês, convencional) faz referência àquelas que utilizam tecnologia streaming para divulgação de áudio e vídeo na internet. 
(___) Por um lado, as mídias sociais ampliam a capacidade de divulgação de informação e interatividade em rede, mas, por outro lado, aumentam a disseminação de notícias falsas ou incompletas que prejudicam o espectador. 
(___) “Rede de banalidades e desinformação”, refere-se somente a sites de fofoca sobre o mundo das celebridades. 
(___) Redes sociais, como Facebook e Instagram, devem ser desconsideradas como fontes no jornalismo, pois elas nunca têm compromisso com a verdade. 
(___) Uma vez que não há preocupação de muitos usuários da internet com relevância e veracidade, o papel do jornalista é fundamental para apurar e filtrar a informação correta destinada ao público. 

Assinale a alternativa CORRETA:
19
Leia o texto a seguir e assinale com VERDADEIRO ou FALSO as afirmativas das questões 10 e 11. 

Evolução é um conceito que também está relacionado ao progresso e à eficiência. No jornalismo pode-se julgar que alguns preceitos não mudam, mas o pensamento a respeito deles são ampliados e clarificados, o que representa certo progresso, enquanto as máquinas colaboram em tese e de fato para que o trabalho profissional seja realizado com mais eficiência. A evolução do jornalismo pode ser tomada em dois aspectos visivelmente empíricos: forma e conteúdo. O papel mais destacado das tecnologias nessas mudanças evolutivas, no que se refere à apuração da informação e tratamento, está relacionado a obtenção de fontes, recolha e checagem de dados – subsídios para a contextualização e registro. 
É importante frisar que a democratização do ato de comunicar é o principal atributo das mídias sociais e que elas são encaradas por alguns especialistas em comunicação digital como ameaças à mídia mainstream. O ataque mais contundente é expresso por Andrew Keen ao afirmar que “nossa cultura está se transformando em uma rede de banalidades e desinformação em que qualquer um pode falar o que quiser, sem preocupação com a relevância ou a veracidade das informações.” (PADILHA, S. C. O webjornalismo mediado pela cultura social. LabCom, 2012, p. 154 e 156) 

(___) Por “alguns preceitos não mudam” incluem-se conceitos basilares do jornalismo, como linguagem clara e objetiva, fontes e checagem de dados. 
(___) Preceitos “ampliados e clarificados” fazem referência a um jornalismo que se distancia das mídias tradicionais para ser mais superficial e de pouco interesse público. 
(___) Por “forma” toma-se o modo como a informação é divulgada, já que mídias tradicionais, como TV e rádio, coexistem com novas mídias, como a internet. 
(___) “Conteúdo” diz respeito ao texto e ao contexto divulgados na forma a que se destina: meios tradicionais ou novas mídias. 
(___) As mudanças tecnológicas devem questionar a ética dentro do jornalismo, uma vez que a instantaneidade da notícia exige agilidade a qualquer preço. 

Assinale a alternativa CORRETA: 
20
Assinale a alternativa CORRETA que corresponde, respectivamente, a cargos e atribuições no jornalismo. 

I – Apura a notícia, grava entrevistas e redige o texto. 
II – Redige a pauta, seleciona o que é noticiável e é responsável pelo agendamento de entrevistas e reportagens. 
III – Edita o material do repórter, selecionando texto e trechos de entrevistas, além de buscar atualizações que vão servir de nota retorno, por exemplo. 
IV – Planeja e orienta a criação de conteúdos jornalísticos desenvolvidos pela reportagem, produção e redação.