D.com - Dicionário de comunicação social

Nosso Dicionário de Comunicação Social On-Line - D.Com tem a finalidade de acumular todas as terminologias úteis e jargões das áreas de jornalismo, publicidade e propaganda, relações públicas e comunicação social, além de neologismos que surgiram com o advento da internet e das novas tecnologias. Por isso, está em constante atualização e aprimoramento.

All News

É a programação que se caracteriza por apresentar conteúdo exclusivamente jornalístico, por meio de noticiários, entrevistas, debates e análises.

Alinhar

Colocar as letras fiquem em disposição exata na linha tipográfica, com a base de todas perfeitamente ajustada sobre um alinhamento horizontal. Pode-se também colocar como Linhas em disposição Perfeita não sentido verticais à esquerda ou à direita.

Agência Fotográfica

Empresa que fornece material fotográfico a órgãos de imprensa, agências de publicidade, editoras.

Adenda

Matéria pouco extensa, que é parte essencial do texto ao qual é acrescentada. Complemento de um capítulo. 

Afiliada

Estação local de rádio ou tv, que se vincula a uma rede ou cadeia para transmitir programas em comum,de uma emissora principal, sem deixar de ser uma empresa independente. 

Acento

Recurso que consiste em salientar certas partes do assunto para que ele atraia especial atenção. É obtido geralmente por acentuada profundidade de tom ou por iluminação especial.

Acabamento

Na Produção Gráfica, é (arrematar ou dar o remate) a fase final de um trabalho gráfico após a sua impressão, incluindo os serviços de dobragem, corte, canteação, grampeamento, encadernação ou brochura, perfuração, aplicação de ilhós, envernizamentos ou platificação. Fase final na produção de um clichê (fresagem, retificação, montagem). 

Abano

Placa quadrada ou retangular separa jornais, revistas, livros etc em quantidades preestabelecidas, na saída das máquinas rotativas. É chamado de leque nas impressoras de cilindro.

4 P's

Os 4 Ps, que são formas de influências sobre os canais de comercialização e dos consumidores finais, que correspondem aos 4 Cs do cliente. 

Produto: (Cliente) - Preço: (Custo) - Praça: (Conveniência) - Promoção: (Comunicação)

3CV

Essa fórmula, citada no Livro: Rádio - Teoria e Prática de Luiz Amaral, significa que para manter a atenção do ouvinte o texto radiofônico deve conter: convicção, concisão, compreensão e vibração. Foi criada pelo jornalista carioca Clóvis Paiva. Segundo Amaral, "essa formula dá bem a dimensão do texto radiofônico, escrito para ser recebido por um público que, com frequência, se dedica a outra atividade enquanto escuta a transmissão. É necessário, por tanto, uma redação a chamar e, dentro do possível,  concentrar a atenção do ouvinte". 

Todos os direitos reservados (C) 2015 Comuniqueiro