Ciências da Informação

A Ciência da informação é um campo interdisciplinar principalmente preocupado com a análise, coleta, classificação, manipulação, armazenamento, recuperação e disseminação da informação. Estuda a informação desde a sua gênese até o processo de transformação de dados em conhecimento. 

Ciência da informação x Ciência da Comunicação

A Ciência da informação e a Ciência da Comunicação são interdisciplinares, abrangem estudos em outras áreas do conhecimento, como história, antropologia, sociologia, para completar a aprendizagem para a formação de profissionais capazes e dão suporte a outros campo do saber. Elas complementam no âmbito de que a Ciência da Informação processa todo o conteúdo, o que economiza o tempo para a Comunicação, que não precisa realizar tudo novamente. Tanto a Ciência da Informação como a Comunicação tem o intuito de produzir e transmitir as formas e os conteúdos simbólicos das culturas e sociedades. Além de as duas serem campos de estudos dos significados.

A Ciência da Informação estuda os fenômenos ligados à produção, organização, difusão e utilização de informações em todos os campos do saber ou seja, a informação como um fenômeno, que precisa de um processo para se efetivar. Já a Ciência da Comunicação ser dividida em três vertentes, o jornalismo, a publicidade e o cinema. Visa a informação, transmitida por um comunicador a um receptor, utilizando um canal e um sistema de códigos específicos e posteriormente recuperados para a transmissão de novas informações. Ela pensa na informação como um processo, que necessita de um fenômeno para se originar e para ter o que processar. Ambas se interessam pela informação e na atenção ao público.

José Marques de Melo defende em Teorias da Comunicação: Paradigmas Latino-Americanos (1998) que:

ciências da informação é uma terminologia mais adequada do que ciências da comunicação, pois a primeira assume um sentido homogêneo, enquanto a segunda pode tratar até mesmo de processos alheios a essa área do conhecimento. O verbete comunicação pode descrever, por exemplo, meios de transporte. No entanto, mesmo tomando o sentido fundamental dos processos eminentemente comunicacionais, a terminologia Ciências da Informação se justifica nessa perspectiva também porque a informação é o elemento fundamental, sem a qual o próprio processo de comunicação inexiste".